PUBLICIDADE
Topo

Histórico

Categorias

Exigências da Fifa reduzem opções de compra e encarecem Maracanã

Perrone

04/08/2011 07h00

Um dos envolvidos na reforma do Maracanã reclamou ao blog das exigências feitas pela Fifa. Segundo ele, a entidade exagera nas especificações do que quer no estádio. O detalhamento acaba restringindo as opções de compra no mercado ou de contratações de serviço. Com uma oferta menor, o preço sobe.

Com detalhes tão rígidos, às vezes sobra apenas um fornecedor capaz de cumprir as exigências. Não chega a ser uma indicação para que seja contratada uma determinada empresa parceira da entidade. Mas, o resultado acaba sendo quase igual pela falta de opções. No mesmo relato, tal procedimento foi chamado de "imperialismo" da Fifa.

Um exemplo da dificuldade em encontrar quem atenda às exigências da federação internacional é o pedido para que a drenagem do gramado seja a vácuo. O método é raro no Brasil.

Márcia Lins, secretária  estadual de Esporte e Lazer do Rio, porém, não reclama. "O problema é que nós estamos defasados em muitos aspectos no Brasil. Eles exigem tecnologia mais avançada, mais cara. Por isso tem gente que estranha. Mas não existiu nada irregular nos pedidos que fizeram para o Maracanã", disse ela ao blog.

Sobre o Autor

Ricardo Perrone é formado em jornalismo pela PUC-SP, em 1991, cobriu como enviado quatro Copas do Mundo, entre 2006 e 2018. Iniciou a carreira nas redações dos jornais Gazeta de Pinheiros e A Gazeta Esportiva, além de atuar como repórter esportivo da Rádio ABC, de Santo André. De 1993 a 1997, foi repórter da Folha Ribeirão, de onde saiu para trabalhar na editoria de esporte do jornal Notícias Populares. Em 2000, transferiu-se para a Folha de S.Paulo. Foi repórter da editoria de esporte e editor da coluna Painel FC. Entre maio de 2009 e agosto de 2010 foi um dos editores da Revista Placar.

Sobre o Blog

Prioriza a informação que está longe do alcance das câmeras e microfones. Busca antecipar discussões e decisões tomadas por dirigentes, empresários, jogadores e políticos envolvidos com o futebol brasileiro.

Blog do Perrone