Blog do Perrone

Roberto Justus gera ciúmes e gratidão no São Paulo

Perrone

Juvenal Juvêncio é grato ao apresentador e publicitário Roberto Justus. São-paulino, ele ajudou o clube na última negociação de direitos de transmissão do Brasileirão com a Globo. E segue colaborando na tentativa de conseguir um patrocinador master.

Para a cúpula são-paulina, porém, Justus é extremamente vaidoso. Por isso, Juvenal se viu na obrigação de massagear o ego do amigo com um cargo. Mas a iniciativa trouxe problemas internos.

Conselheiros ficaram enciumados quando souberam da ideia. Reclamam que Justus fala mais do que faz pelo clube. E que sua ficha de serviços prestados é pequena perto de outros são-paulinos sem carteirinha de diretor. Afirmam que o apresentador deveria ser mais discreto.

A fórmula encontrada por Juvenal para se virar com a saia-justa é dar um cargo simbólico ao publicitário. Algo que deixe o colaborador feliz, sem irritar demais a cartolagem tradicional.

Em entrevista ao UOL Esporte, Justus disse que se sente pressionado ao aceitar o cargo de vice-presidente institucional. Seus críticos até engolem o ''institucional'', porém a vice-presidência não desce. Avaliam que diretor institucional é mais adequado e decorativo.