Topo
Blog do Perrone

Blog do Perrone

Categorias

Histórico

No primeiro semestre, Corinthians arrecada R$ 22,7 milhões a mais do que Flamengo, sem contar vendas

Perrone

2027-08-20T13:06:00

27/08/2013 06h00

Donos das duas maiores torcidas do Brasil, Flamengo e Corinthians divulgaram na semana passada seus resultados financeiros no primeiro semestre de 2013.

Os dados oficiais mostram que o time paulista arrecadou em seis meses R$ 22,7 milhões a mais do que o rival carioca. Isso sem contar a venda de jogadores que elevaria a diferença a favor do alvinegro para R$ 72,4 milhões.

Sem colocar na conta R$ 49,6 milhões obtidos com a venda atletas, o departamento de futebol do Corinthians arrecadou até o final de junho R$ 112.546.000. Já o do Flamengo, que não faturou com a saída de jogadores, embolsou no mesmo período R$ 89.765.535. Apesar da desvantagem em relação ao rival, o rubro-negro faturou cerca de R$ 10 milhões a mais do que nos seis primeiros meses de 2012.

Só com publicidade e patrocínio, os corintianos ganharam R$ 10,5 milhões a mais. Foram R$ 30,1 milhões obtidos pelos paulistas contra R$ 19,6 milhões dos cariocas.

Os corintianos registraram receita de R$ 16.077.000 com arrecadação em jogos. Já os flamenguistas declararam apenas R$ 1.828.616 com bilheteria.

No quesito cotas de TV, porém, o Flamengo apresenta um faturamento maior:  R$ 61,5 milhões diante de R$ 59,8 milhões arrecadados pelo Corinthians.

Ao mesmo tempo em que arrecada mais, o alvinegro gasta mais. Com salários, em seis meses foram consumidos R$ 54,5 milhões. O gasto do Flamengo foi de R$ 30,9 milhões, superior aos R$ 28,8 milhões usados pelo rubro-negro no primeiro semestre do ano passado.

Sobre o Autor

Ricardo Perrone é formado em jornalismo pela PUC-SP, em 1991, cobriu como enviado quatro Copas do Mundo, entre 2006 e 2018. Iniciou a carreira nas redações dos jornais Gazeta de Pinheiros e A Gazeta Esportiva, além de atuar como repórter esportivo da Rádio ABC, de Santo André. De 1993 a 1997, foi repórter da Folha Ribeirão, de onde saiu para trabalhar na editoria de esporte do jornal Notícias Populares. Em 2000, transferiu-se para a Folha de S.Paulo. Foi repórter da editoria de esporte e editor da coluna Painel FC. Entre maio de 2009 e agosto de 2010 foi um dos editores da Revista Placar.

Sobre o Blog

Prioriza a informação que está longe do alcance das câmeras e microfones. Busca antecipar discussões e decisões tomadas por dirigentes, empresários, jogadores e políticos envolvidos com o futebol brasileiro.

Mais Blog do Perrone