PUBLICIDADE
Topo

Blog do Perrone

Carrasco, Zuñiga sofreu mais faltas do que Neymar em confronto

Perrone

06/07/2014 01h30

Responsável pela entrada violenta que tirou Neymar da Copa do Mundo, o colombiano Zuñiga sofreu mais faltas no jogo contra o Brasil do que o camisa 10 da seleção de Felipão.

As estatísticas da Fifa mostram que o jogador da Colômbia apanhou cinco vezes, uma a mais do que Neymar, o brasileiro mais atingido. Claro que nessa conta não se mede a brutalidade de cada jogada, mas a apenas a quantidade.

Zuñiga, que fez duas faltas e é alvo de um pedido de punição por parte da CBF, nem foi o colombiano mais visado pelos brasileiros. James Rodrigues e Cuadrado, principais nomes do time, foram os mais castigados no jogo da última sexta, pelas oitavas de final da Copa do Mundo. Cada um sofreu seis faltas.

Os dados individuais refletem o que aconteceu no geral. Ou seja, o Brasil bateu muito mais. Cometeu 31 faltas contra 23 da Colômbia, apesar de as seleções levarem o mesmo número de cartões amarelos: dois cada.

Sobre o Autor

Ricardo Perrone é formado em jornalismo pela PUC-SP, em 1991, cobriu como enviado quatro Copas do Mundo, entre 2006 e 2018. Iniciou a carreira nas redações dos jornais Gazeta de Pinheiros e A Gazeta Esportiva, além de atuar como repórter esportivo da Rádio ABC, de Santo André. De 1993 a 1997, foi repórter da Folha Ribeirão, de onde saiu para trabalhar na editoria de esporte do jornal Notícias Populares. Em 2000, transferiu-se para a Folha de S.Paulo. Foi repórter da editoria de esporte e editor da coluna Painel FC. Entre maio de 2009 e agosto de 2010 foi um dos editores da Revista Placar.

Sobre o Blog

Prioriza a informação que está longe do alcance das câmeras e microfones. Busca antecipar discussões e decisões tomadas por dirigentes, empresários, jogadores e políticos envolvidos com o futebol brasileiro.

Blog do Perrone