Topo
Blog do Perrone

Blog do Perrone

Categorias

Histórico

Após crise entre diretores, São Paulo barra "campanha do sofá"

Perrone

08/04/2016 06h30

spfcsofa160406sp2

A campanha "Cadê você aí no Sofá?" gerou atrito entre diretores do São Paulo e não será repetida no Morumbi. Vinícius Pinotti (marketing) e Bruno Caetano (comunicação) divergiram sobre a ação no Facebook. Ela visava atrair mais torcedores para a partida decisiva contra o River Plate na próxima quarta-feira pela Libertadores.

A decisão da cúpula tricolor é que esse tom não deve mais ser usado no relacionamento com a torcida. A iniciativa foi considerada um erro, mas não um pecado mortal. A postagem, porém, não foi imediatamente retirada por causa da análise de que o fato chamaria mais atenção.

Para evitar situações semelhantes, a direção vai criar um novo sistema de controle sobre as publicações oficiais do clube nas redes sociais.

O blog apurou que a postagem foi feita por uma funcionária do departamento de comunicação logo após a vitória sobre o Trujillanos por 6 a 0, pela Libertadores, sem consulta à diretoria. O procedimento é comum no departamento. Por serem inúmeras postagens diárias nas redes sociais, não havia necessidade de aprovação prévia, mas agora as mensagens precisarão passar por mais pessoas antes de serem publicadas.

A campanha teve o apoio de parte da torcida e rejeição de outra parcela. Também gerou críticas de alguns veículos de comunicação, de conselheiros da oposição e até de membros da atual gestão.

As reações negativas incomodaram o diretor de marketing, que avaliou estar pagando a conta de uma iniciativa que não foi dele. Além de ser criticado por conselheiros, Pinotti foi xingado nas redes sociais.

Pressionado, decidiu se posicionar publicamente e disse ao site do diário Lance! que não foi consultado sobre a ação e que, se fosse, teria dito ser contra para aproveitar melhor o bom momento proporcionado pelo time.

Daí quem não gostou foi Bruno Caetano, diretor de marketing. Ele avaliou que o colega deveria ter se manifestado internamente. Os dois divergiram em mensagens por celular, mas não chegaram a romper.

Procurado, Pinotti disse que já tinha dado entrevista sobre o tema e não falaria mais. Caetano não respondeu ao blog.

Por sua vez, José Francisco Cimino Manssur, vice-presidente de marketing e comunicação, respondeu que não iria expor nenhum funcionário publicamente. "Vamos tratar do assunto internamente e corrigir o que for necessário", afirmou o dirigente.

Também indagada, a assessoria de imprensa do clube disse que a decisão de publicar o post foi de departamento e que não fugiu do que é feito normalmente no setor. Afirmou que a ideia era fazer um chamamento do torcedor para o jogo contra o River por meio de uma postagem bem-humorada. Declarou ainda que muita gente gostou da iniciativa, muita gente não gostou, mas que jamais o São Paulo faria algo para afrontar sua massa de torcedores.

Conselheiros da oposição e alguns membros da gestão alegam que o clube conseguiu criar atrito num raro momento de paz gerada pelo desempenho do time neste ano e que fez um marketing negativo, assumindo uma dificuldade em levar sua torcida para o estádio.

Sobre o Autor

Ricardo Perrone é formado em jornalismo pela PUC-SP, em 1991, cobriu como enviado quatro Copas do Mundo, entre 2006 e 2018. Iniciou a carreira nas redações dos jornais Gazeta de Pinheiros e A Gazeta Esportiva, além de atuar como repórter esportivo da Rádio ABC, de Santo André. De 1993 a 1997, foi repórter da Folha Ribeirão, de onde saiu para trabalhar na editoria de esporte do jornal Notícias Populares. Em 2000, transferiu-se para a Folha de S.Paulo. Foi repórter da editoria de esporte e editor da coluna Painel FC. Entre maio de 2009 e agosto de 2010 foi um dos editores da Revista Placar.

Sobre o Blog

Prioriza a informação que está longe do alcance das câmeras e microfones. Busca antecipar discussões e decisões tomadas por dirigentes, empresários, jogadores e políticos envolvidos com o futebol brasileiro.

Blog do Perrone