Topo
Blog do Perrone

Blog do Perrone

Categorias

Histórico

Dívida do São Paulo por Centurión passa de R$ 20 milhões

Perrone

16/12/2016 06h19

A dívida do São Paulo gerada pela contratação do argentino Centurión, emprestado ao Boca Juniors após não emplacar no Morumbi, já ultrapassa R$ 20 milhões. O credor é Vinícius Pinotti, atual diretor de marketing tricolor e que no início de 2015, como torcedor sem cargo no clube, decidiu ajudar bancando o investimento feito durante a administração de Carlos Miguel Aidar.

O São Paulo tem cinco anos a partir de 2015 para pagar o dirigente, que emprestou o dinheiro para a compra ser feita junto ao Racing (Argentina). Mas ele está no fim da fila. Seu crédito faz parte do que a diretoria chama de alongamento da dívida (quantias com vencimento a longo prazo).

O assunto Centurión voltou à pauta no Morumbi em reunião do Conselho Deliberativo. A oposição afirmou que em dezembro do ano passado a dívida com Pinotti era de R$ 11,5 milhões, mas agora saltou para R$ 21,5 milhões. Os opositores concluíram, então, que o dirigente colocou mais dinheiro no clube. A direção, porém, nega.

Antes da reunião, Adilson Alves Martins, diretor financeiro do São Paulo, afirmou ao blog que Pinotti só emprestou dinheiro para a compra de Centurión. O dirigente não fala valores para não expor o diretor de marketing, que também não dá entrevista sobre o assunto.

Na ocasião da compra, a imprensa noticiou que o São Paulo pagaria 4,2 milhões de euros (R$ 12,7 milhões).

Mas internamente a diretoria usa números diferentes e outros detalhes para explicar a diferença entre esse valor e a dívida atual com o diretor de marketing, que está entre R$ 20 milhões e R$ 21 milhões, pelas contas da direção.

O aporte feito por Pinotti, conforme a versão oficial, foi de cerca de R$ 19 milhões, pois além da quantia divulgada pela imprensa havia outra parcela equivalente a R$ 4,8 milhões. A dívida passa dos R$ 20 milhões por causa da correção de acordo com o IGP-M (Índice Geral de Preços do Mercado).

Diante da polêmica, a direção tricolor está disposta a apresentar os detalhes da operação para os conselheiros que tiverem dúvidas.

Emprestado ao Boca por um ano em agosto, Centurión assinou contrato com o São Paulo no início de 2015 por quatro anos.

 

Sobre o Autor

Ricardo Perrone é formado em jornalismo pela PUC-SP, em 1991, cobriu como enviado quatro Copas do Mundo, entre 2006 e 2018. Iniciou a carreira nas redações dos jornais Gazeta de Pinheiros e A Gazeta Esportiva, além de atuar como repórter esportivo da Rádio ABC, de Santo André. De 1993 a 1997, foi repórter da Folha Ribeirão, de onde saiu para trabalhar na editoria de esporte do jornal Notícias Populares. Em 2000, transferiu-se para a Folha de S.Paulo. Foi repórter da editoria de esporte e editor da coluna Painel FC. Entre maio de 2009 e agosto de 2010 foi um dos editores da Revista Placar.

Sobre o Blog

Prioriza a informação que está longe do alcance das câmeras e microfones. Busca antecipar discussões e decisões tomadas por dirigentes, empresários, jogadores e políticos envolvidos com o futebol brasileiro.

Mais Blog do Perrone