Blog do Perrone

Estafe de Avelar já planeja retomar negociação com Corinthians em maio

Perrone

Com Diego Salgado e Dassler Marques, do UOL, em São Paulo

O estafe de Danilo Avelar não vê mais possibilidade de o lateral-esquerdo se transferir neste momento para o Corinthians. O trabalho agora é para retomar as negociações em maio, um mês antes do final do empréstimo dele feito pelo Torino (ITA) ao Amiens (FRA).

Um dos entraves da negociação foi justamente o fato de os franceses não estarem dispostos a liberar o atleta agora. Interessado em defender o alvinegro, Avelar tentou negociar a rescisão de seu contrato com os italianos, que tem mais um ano e meio de duração. Só que o Corinthians não estava disposto a pagar para tirar o lateral definitivamente do Torino e nem para indenizar o Amiens. Com a equipe francesa fora da parada em junho, teoricamente, uma nova negociação seria mais simples e barata.

Em entrevista na última quarta (3), o gerente de futebol corintiano, Alessandro Nunes, disse que Avelar não deve ser contratado porque só seria possível a aquisição dos direitos, diferentemente do empréstimo planejado.

Também pesaram contra a operação outras mudanças no cenário esperado pelo clube depois da venda de Guilherme Arana para o Sevilla. A expectativa era negociar Moisés e conseguir Avelar sem custos, a não ser com salários e luvas. Nada disso aconteceu. Por outro lado, foram concretizadas a contração de Juninho Capixaba, ex-Bahia, e a reintegração de Guilherme Romão, que estava emprestado ao Oeste. Assim, a avaliação é de que não se trata de  uma prioridade ter outro lateral-esquerdo.

A ideia de trazer Avelar veio da necessidade que o clube tinha sentido de ter um jogador mais experiente para a posição. A aposta do estafe do atleta é de que o Corinthians ainda terá interesse num jogador com esse perfil para o segundo semestre.