Topo
Blog do Perrone

Blog do Perrone

Categorias

Histórico

'Caso Pablo' vira argumento corintiano para tentar fazer Balbuena ceder

Perrone

2021-02-20T18:04:00

21/02/2018 04h00

A diferença entre o que os empresários de Balbuena pedem de luvas e o que o Corinthians pretende pagar é muito grande. Por isso ainda não houve acerto para a renovação do contrato do jogador, que termina no final de 2018.

Nesse cenário há no clube o temor de que se repita o que aconteceu com Pablo. Seu empresário não aceitou as condições de parcelamento de luvas propostas pelos corintianos, pediu garantias e não houve renovação.

Curiosamente, o caso de Pablo é usado para convencer Balbuena a aceitar menos do que seus agentes pedem.

Gente do clube disse ao zagueiro que seu ex-companheiro não conseguiu de nenhum time brasileiro proposta semelhante ao que pedia e voltou para Bordeaux. Assim como Balbuena, Pablo estava valorizado e seu agente jogou duro na negociação.

A diferença, no entanto, é que Pablo ainda tinha vínculo com o Bordeaux, o que encarecia a operação. Balbuena ficará livre de seu compromisso em dezembro. Seis meses antes ele já pode assinar contrato com outro clube, apesar de assegurar que não fará isso.

O blog não conseguiu confirmar os valores das propostas do zagueiro e do alvinegro.

Renato Bittar, um dos agentes de Balbuena não respondeu à mensagem enviada em seu celular pelo blog até a publicação deste post.

Já o Corinthians divulgou nota nesta terça informando que as negociações com Balbuena seguem e que o clube não revela valores.

Perder Balbuena de graça para a próxima temporada seria um golpe para a atual diretoria. Porém, não inflacionar a folha salarial do elenco tem sido uma bandeira dos dirigentes.

 

 

Sobre o Autor

Ricardo Perrone é formado em jornalismo pela PUC-SP, em 1991, cobriu como enviado quatro Copas do Mundo, entre 2006 e 2018. Iniciou a carreira nas redações dos jornais Gazeta de Pinheiros e A Gazeta Esportiva, além de atuar como repórter esportivo da Rádio ABC, de Santo André. De 1993 a 1997, foi repórter da Folha Ribeirão, de onde saiu para trabalhar na editoria de esporte do jornal Notícias Populares. Em 2000, transferiu-se para a Folha de S.Paulo. Foi repórter da editoria de esporte e editor da coluna Painel FC. Entre maio de 2009 e agosto de 2010 foi um dos editores da Revista Placar.

Sobre o Blog

Prioriza a informação que está longe do alcance das câmeras e microfones. Busca antecipar discussões e decisões tomadas por dirigentes, empresários, jogadores e políticos envolvidos com o futebol brasileiro.

Mais Blog do Perrone