Blog do Perrone

Treino nas férias e papo com Roger ajudaram Felipe Melo a evoluir

Perrone

Felipe Melo (esq.) recebe faixa de capitão em jogo do Palmeiras (Cesar Greco/Ag. Palmeiras/Divulgação)

A boa fase de Felipe Melo no Palmeiras começou a ser construída ainda nas férias. Gente próxima ao jogador aponta treinos feitos durante os dias de folga entre os principais motivos para a evolução do volante.

Por conta da preparação antes da temporada, ele se apresentou ao clube num patamar físico já elevado, segundo quem convive com o jogador. A avaliação é de que a condição física foi fundamental para o voante começar o ano bem.

Ainda no início dos trabalhos no clube neste ano, outro fato ajudou Felipe, segundo interlocutor do meio-campista: uma conversa com Roger Machado. De acordo com essa versão, o treinador explicou a importância que o volante teria para o time e falou da confiança depositada nele pelo treinador.

Em 2017, o ex-jogador da seleção brasileira sofreu enquanto Cuca estava no comando do alviverde. O técnico acreditava que ele não se encaixava em seu esquema tático. Os dois romperam e o atleta chegou a ser afastado da equipe.

No novo cenário, Felipe tem tido sequência de jogos, condição também apontada pelo entorno do volante como importante para sua evolução.

Já o jogador destacou em recente entrevista coletiva que a grande mudança em relação ao ano passado está no fato de ele falar menos, evitando polêmicas.

Leia também: