Topo
Blog do Perrone

Blog do Perrone

Categorias

Histórico

Faltou ousadia para a seleção brasileira contra o Panamá

Perrone

2023-03-20T19:15:54

23/03/2019 15h54

A seleção brasileira aproveitou a qualidade de seus meio-campistas e atacantes para trocar passes constantemente e ficar com a bola por mais tempo do que o Panamá no empate em um gol neste sábado (23). Mas faltou ousadia ao time de Tite em Portugal. Faltaram dribles, tabelas e invasões à área adversária.

Contra um rival fechado, a finta é uma excelente alternativa para conseguir entrar na área. Porém, a maioria dos jogadores habilidosos abdicou dos dribles. Richarlison destoou dos companheiros driblando corretamente cinco vezes, de acordo com o Footstats. O site especializado em estatísticas também aponta que, além dele, apenas Felipe Anderson e Gabriel Jesus acertaram fintas (uma cada).

Com o controle da bola, os brasileiros trocaram passes insistentemente esperando achar espaços que raramente apareceram. Foram 539 passes certos dos brasileiros contra 120 dos panamenhos. Ficou um jogo burocrático demais. Deu sono. Firmino, substituído por Gabriel Jesus no segundo tempo, ficou isolado no ataque, assim como seu substituto.

A forma de jogar deixou a impressão de que os atletas mais técnicos se concentraram tanto no jogo coletivo, tático, que esqueceram que podiam desequilibrar e criar espaços em lances individuais. Sabe aquela história de "não vou arriscar para não desobedecer o professor?". Pareceu isso. A ousadia que costuma acompanhar a seleção brasileira em seus melhores momentos foi deixada em casa.

 

Sobre o Autor

Ricardo Perrone é formado em jornalismo pela PUC-SP, em 1991, cobriu como enviado quatro Copas do Mundo, entre 2006 e 2018. Iniciou a carreira nas redações dos jornais Gazeta de Pinheiros e A Gazeta Esportiva, além de atuar como repórter esportivo da Rádio ABC, de Santo André. De 1993 a 1997, foi repórter da Folha Ribeirão, de onde saiu para trabalhar na editoria de esporte do jornal Notícias Populares. Em 2000, transferiu-se para a Folha de S.Paulo. Foi repórter da editoria de esporte e editor da coluna Painel FC. Entre maio de 2009 e agosto de 2010 foi um dos editores da Revista Placar.

Sobre o Blog

Prioriza a informação que está longe do alcance das câmeras e microfones. Busca antecipar discussões e decisões tomadas por dirigentes, empresários, jogadores e políticos envolvidos com o futebol brasileiro.

Mais Blog do Perrone