Topo
Blog do Perrone

Blog do Perrone

Categorias

Histórico

Quanto o Santos gasta com salários e direitos de imagem por mês?

Perrone

2031-05-20T19:09:41

31/05/2019 09h41

O relatório financeiro do Santos relativo ao primeiro trimestre de 2019 revela que o clube gastou por mês, em média, com salários registrados em carteira e direitos de imagem de seus jogadores R$ 12.182.749,66.

Divulgado no portal de transparência do clube, o documento registra gasto de R$ 31.971.422 até março com salários em carteira e encargos relativos a jogadores. O número é apenas 0,11% maior do que o previsto pelo orçamento santista.

A despesa com direitos de imagem no mesmo período foi de R$ 4.576.827, o que representa 6,39% a mais do que a previsão orçamentária feita pela diretoria.

Leia também:
Peres aumenta preço, divide diretoria e revolta torcida do Santos
Neymar pai relembra negociação com Santos: "Ofereceram R$ 50 mil por ele"
Apresentado, Uribe crava: "Santos é o brasileiro mais conhecido do mundo"

O balancete mostra também que os custos com salários aumentaram mensalmente. Em valores aproximados, começaram com R$ 10 milhões em janeiro, subiram para R$ 10,7 milhões e fevereiro e chegaram a R$ 11,2 milhões em março.

Já a despesa mensal com direitos de imagem no trimestre começou com R$ 1,6 milhão e terminou com R$ 1,4 milhão.

Uma curiosidade do documento é a despesa com o refeitório dos atletas: R$ 847.254 em três meses. Ela foi 5,38% superior ao estimado no orçamento.

Como mostrou o blog, a despesa total do departamento de futebol de janeiro a março deste ano foi de aproximadamente R$ 49,49 milhões e o deficit do clube ficou em cerca de R$ 18,2 milhões.

Sobre o Autor

Ricardo Perrone é formado em jornalismo pela PUC-SP, em 1991, cobriu como enviado quatro Copas do Mundo, entre 2006 e 2018. Iniciou a carreira nas redações dos jornais Gazeta de Pinheiros e A Gazeta Esportiva, além de atuar como repórter esportivo da Rádio ABC, de Santo André. De 1993 a 1997, foi repórter da Folha Ribeirão, de onde saiu para trabalhar na editoria de esporte do jornal Notícias Populares. Em 2000, transferiu-se para a Folha de S.Paulo. Foi repórter da editoria de esporte e editor da coluna Painel FC. Entre maio de 2009 e agosto de 2010 foi um dos editores da Revista Placar.

Sobre o Blog

Prioriza a informação que está longe do alcance das câmeras e microfones. Busca antecipar discussões e decisões tomadas por dirigentes, empresários, jogadores e políticos envolvidos com o futebol brasileiro.

Mais Blog do Perrone